sábado, 20 de junho de 2009

Zeal

(Postagem #50; edit às onze horas da noite)

Only you can hurt my heart. Is that a good thing?

É a verdade, apesar de ser triste: apenas uma pessoa consegue realmente me deixar triste. O problema é que eu estou muito triste, ao ponto de estar preocupado com a situação. 'Já já passa'? Não é bem assim. Há tempos que estava assim, piorou, e aparentemente passou para outras pessoas. É incrível como alguém pode odiar tanto alguém, alguém que... que nunca quis te fazer mal, alguém que zela por seu bem.

Hoje passei o dia triste, mas não foi por causa da prova. As provas ainda são um problema sim, mas posso contornar alguma hora. O problema está, em parte, em mim, senão nada disso aconteceria. Mas eu não sei o que fazer para resolvê-lo. Não farei nada de especial, mas tentarei o que deve funcionar.

Conversei com duas pessoas sobre isso, e felizmente descobri que não era só direcionado para mim: ambas sentiram-se abandonadas também por tal pessoa, ao ponto de ficarem magoadas. Uma dessas pessoas é um amigo de respeito que tenho, alguém que nunca parece se importar com os outros, mas dessa vez até ele está preocupado. Falei bastante com ele hoje, apesar de ele não ser muito de falar, e até que descobri umas coisas interessantes. Como amigo, é bom ter uma conversa dessas.

A outra pessoa com quem falei foi uma amiga quem me apoiou bastante, mas quem também não pôde conter a tristeza. Nós não fizemos nada, e ganhamos isso em troca? Amizade pelo ódio? Como eu disse a ela, falta pouco para acontecer algo ainda mais errado, como um certo amigo meu ter dado um tapa na cara de uma certa pessoa... a situação seria exatamente a mesma aqui, exatamente. Um menino que faz uma coisa certa, que não incomoda ninguém, mas que é aperriado por uma menina qualquer, sem motivo. Menino bate na menina, mas nada se resolve.

Fiquei muito incomodado desde que isso começou, mas só percebi como a situação está ruim agora. Tentarei consertar terça-feira, já que segunda tenho o maldito laborátorio... Acho que me desconcentrei esses dias por causa dessa história, não sei se exagerei ou não. Não estudei bem (como sempre?), mas de um jeito ou de outro, só não estou feliz. E parte dos meus amigos também não estão.

O tal amigo com quem conversei também me contou da festa de São João que aconteceu. Comentou sobre como uma menina estava bonita - nunca ouvi isso dele. Daí surgiram dois problemas, mas seria um a solução para esse tranco de agora? Quem sabe.

É só isso mesmo. Espero resolver tudo terça-feira, se é que isso é um problema para ela.

Até.

2 comentários:

Anônimo disse...

Tica é assim mesmo, com o tempo vamos descobrindo que algumas pessoas a quem agente ofereci uma estima, uma amizade, elas parecem que nunca ligaram p gente.
A vida é assim, assim a gente aprende a se doar nas amizades mais p uns do que p outros. Se vc e seus outros colegas estão tristes e magoados deviam se unir e procurar novos amigos e tentar fazer um lazer em conjunto procurando um animar o outro.
Como diz o sábio: nada como um dia com uma noite no meio. No outro dia tudo vai ser um pouquinho diferente.

Ticapapel disse...

Pois é, o problema é que essa pessoa não é bem uma pessoa qualquer, e eu e meus amigos (aqueles com quem falei, na verdade, não sei os outros) achamos que tem algo errado e que dá para resolver isso na boa, sem precisar abandonar ninguém...

Mas anyway, obrigado pelo apoio :)